IATS abre cadastro para participação de pesquisadores em estudo sobre COVID-19

Objetivo é criar um registro nacional capaz de gerar informação relevante para o manejo clínico de pacientes com Covid-19

O INCT para Avaliação de Tecnologia em Saúde (IATS) abriu cadastro para participação de pesquisadores no projeto Registro hospitalar multicêntrico nacional de pacientes com doença causada pelo SARS-COV-2 (COVID 19), cujo objetivo é criar um registro nacional capaz de gerar informação relevante para o manejo clínico de pacientes com Covid-19. Para participar do registro, a instituição deve indicar um pesquisador responsável e até mais dois pesquisadores, que serão responsáveis pela coleta de dados. Interessados devem entrar em contato pelo e-mail registrocovidufmg@gmail.com., informando o nome e a cidade da instituição, além de e-mail e contato telefônico do proponente.

O estudo é coordenado pela Profa. Dra. Milena Soriano Marcolino, no Centro IATS da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Segundo ela, trata-se de um estudo observacional, baseado em coleta de dados em registro de prontuário médico, em formulário eletrônico online (plataforma REDCap). Acesso e treinamentos serão disponibilizados aos centros participantes. Por ser uma iniciativa sem fins lucrativos, não prevê remuneração aos integrantes, mas assegura participação nas publicações originadas dessa colaboração.

ESTUDO – O registro buscará determinar perfil clínico, laboratorial, radiológico, prática terapêutica e mortalidade de pacientes com infecção pelo novo coronavírus, admitidos em hospitais da rede SUS, privados e filantrópicos brasileiros. “A partir desses dados, será possível derivar e validar escores prognósticos para doença grave e mortalidade em pacientes com COVID-19, assim como investigar, a partir de dados observacionais, o impacto e a segurança de intervenções específicas, tais como  uso de antivirais, cloroquina e hidroxicloroquina”, explica a coordenadora do projeto.

Edição: Luiz Sérgio Dibe

Comentários desativados