Publicação aborda experiências internacionais em ATS

Livro está disponível para acesso gratuitamente no site do IESS

Foi lançado o Estudo Especial “Experiências Internacionais em Avaliação de Tecnologias em Saúde: Implicações para o Brasil”. Elaborado pelo IATS a pedido do IESS (Instituto de Estudos de Saúde Suplementar), a publicação é de autoria da Prof. Dra. Carisi Anne Polanczyk, coordenadora do IATS, em conjunto com Verônica Colpani, Miriam Allein Zago Marcolino e Celina Borges Migliavaca.

A publicação apresenta um histórico da Avaliação de Tecnologia em Saúde (ATS), através de experiências nacionais e estrangeiras, além de tratar sobre o funcionamento da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec), do Comitê Permanente de Regulação da Atenção à Saúde (COSAÚDE), e dos desafios para a saúde suplementar brasileira e outros aspectos. O estudo faz uma revisão de caráter exploratório para identificar o arcabouço teórico, modelos, processos e políticas de agências internacionais de ATS, incluindo NICE (Reino Unido), CADTH (Canadá), IQWiG (Alemanha) e PBAC (Austrália).

A publicação foi lançada durante o webinar “Avaliação de Tecnologia em Saúde: Boas práticas internacionais e lições para o Brasil”, promovido pelo IESS no dia 1º de abril. Além da Dra. Carisi, o encontro contou com a participação de Rogério Scarabel Barbosa, Diretor-Presidente Substituto da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS); Luciano Paladini, oncologista clínico da Oncoclínicas do Brasil e da Universidade Federal de Uberlândia. Atua como consultor em ATS pela Evidências/Kantar; e João Paulo dos Reis Neto, médico e Diretor-Presidente da CAPESESP. A mediação foi de José Cechin.

O material completo está disponível para download gratuito no site do IESS.

Comentários desativados